Bolsonaro passa bem após cirurgia de emergência

O candidato à Presidência Jair Bolsonaro (PSL) passou por uma cirurgia de emergência no Hospital Albert Einstein, em São Paulo, na noite da quarta-feira, 12.

Segundo os médicos, o procedimento foi bem-sucedido e o candidato passa bem. A operação, que durou pouco mais de uma hora, terminou por volta das 23h40.

Em boletim médico divulgado às 23h, quando o candidato já havia dado entrada no centro cirúrgico, o hospital explicou que a decisão pela intervenção ocorreu após Bolsonaro apresentar distensão (inchaço) abdominal progressiva e náuseas.

Com os sintomas, ele foi submetido a uma tomografia de abdômen que evidenciou presença de aderência obstruindo o intestino delgado, indicando a necessidade de cirurgia.

No boletim que havia sido divulgado pela manhã, os médicos informaram a suspensão da alimentação oral por causa do surgimento da distensão abdominal. Esse inchaço no abdômen teria rompido três pontos.

O presidenciável foi operado na última quinta, 6, na Santa Casa de Juiz de Fora (MG), após ter sido atingido por uma facada durante ato de campanha na cidade

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*