Enderson sobre o Paraná: “É um adversário que devemos ter o maior respeito”

Em um duelo muito importante, é necessário respeitar o adversário. E é exatamente isso que o técnico Enderson Moreira pregou na entrevista coletiva desta quinta-feira, 11, sobre o jogo contra o lanterna Paraná Clube, no sábado, 13, às 21h, em Pituaçu.

“É um adversário que tem vendido muito caro os resultados, o próprio jogo contra o Fluminense, tiveram chance de fazer o primeiro gol e depois que levaram o gol sofreram um pouquinho. É um adversário que devemos ter o maior respeito. Acima de tudo tem profissionais lá que vão defender até o último dia, com dignidade, tudo aquilo que eles podem fazer. Então, temos que ter muito respeito, saber que é um adversário capaz de criar muitos problemas para a gente”, afirmou o treinador.

E, para enfrentar o lanterna, Enderson poderá perder seu artilheiro Gilberto, que se queixa de dores na coxa e não vem participando dos treinamentos do Tricolor. Caso o atacante seja vetado pelo departamento médico, Edigar Junio pode ser o titular da posição. Enderson também não poderá contar com Nino Paraíba e Jackson, ambos suspensos.

“Edigar é um jogador que a gente confia muito, sabemos do potencial e da capacidade que tem. Se por acaso Gilberto não puder participar, podemos contar com ele, com o Brumado também. São jogadores que têm muita capacidade, cada um com uma característica também. Edigar não precisa provar nada para ninguém. É uma referência no clube, referência no futebol brasileiro todo mundo sabe da capacidade, do que é capaz de fazer”, comentou.

Apesar dos desfalques, o treinador acredita no apoio da torcida para apoiar e empurrar o time para o triunfo necessário para se afastar cada vez mais da zona de rebaixamento. Enderson aproveitou a entrevista coletiva para convocar a torcida, que já garantiu mais de 23 mil ingressos.

“Contamos muito com o nosso torcedor. Desde o dia que eu cheguei sempre falei que o torcedor do Bahia não é o 12º jogador, mas o camisa 9, camisa 10, o diferencial do clube, da equipe. A gente sempre conta muito com esse apoio em momento difíceis, quando temos alguma dúvida sobre o que podemos fazer. Quando entramos em campo e vemos nosso torcedor entusiasmado nos enche de moral, força e energia, que é o que nós precisamos nesse momento. Que a gente possa conquistar um grande resultado. E quem sabe a partir desse resultado caminhar muito melhor no Brasileiro”, apontou.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*